Novo sistema do Ibama traz mais transparência e agilidade ao processo de licenciamento ambiental federal

A ferramenta permitirá a outros órgãos de âmbito federal se integrarem ao sistema, facilitando e dando maior celeridade ao processo, sem que isso promova riscos à qualidade do trabalho e às exigências ambientais necessárias. 

Mais agilidade, automação, integração, confiabilidade, compartilhamento de dados e transparência para o processo de licenciamento ambiental junto à União. O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) lançou o novo Sistema de Gestão do Licenciamento Ambiental Federal, o SisG-LAF, uma ferramenta desenvolvida em parceria com o Ministério da Economia que promove toda a gestão das demandas e etapas que precisam ser cumpridas para obtenção do licenciamento federal.    

O SisG-LAF permitirá a outros órgãos de âmbito federal se integrarem ao sistema, quando necessária a sua participação na análise dos pedidos. Já estão cadastrados Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), Fundação Nacional do Índio (FUNAI), Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), Ministério da Saúde e Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Assim, o SisG-LAF passa atuar como canal de comunicação direto, facilitando e dando maior celeridade ao processo, sem que isso promova riscos à qualidade do trabalho e às exigências ambientais necessárias.   

Para conhecer o SisG-LAF basta acessar o Portal de Licenciamento, que é o www.ibama.gov.br/laf. Além de entrar em contato com o novo sistema, é possível entender melhor quais empreendimentos ou atividades estão sujeitos ao licenciamento ambiental federal, todas as etapas e procedimentos e obter orientações mais técnicas. 

Comentários