Logística reversa em grandes empresas salta em qualidade e segurança com a plataforma de gestão e parceria com o IBER

Parceria com grupos multinacionais têm permitido mapear e organizar as movimentações, reforçar os requisitos do sistema através de um desenvolvimento exclusivo para os grandes grupos empresariais, promover treinamentos para equipes e ajudar a colocar as empresas transnacionais no rumo do atendimento à PNRS.

O Instituto Brasileiro de Energia Reciclável promoveu (IBER), em um trabalho integrado com multinacionais que possuem operações também no setor de fabricação de baterias chumbo-ácido, tem promovido avanços importantes na gestão, qualidade e na confiabilidade dos dados de grandes empresas para atendimento da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS). 

Nos últimos meses, têm sido realizados uma série de novos desenvolvimentos na plataforma de gestão de logística reversa do IBER para que permitam a utilização de grandes associados, atendendo as normas e o padrão adotados por grupos multinacionais.  

As melhorias e o trabalho desenvolvido proporcionam uma relação de confiança e reciprocidade, uma vez que o IBER desenvolve soluções para as todos os tipos de empresas e de todos os portes, ao mesmo tempo em que garante o atendimento à regulamentação ambiental vigente no Brasil. 

No último mês de maio, o trabalho se concentrou em integrar o acesso às ferramentas de gestão utilizadas pelas multinacionais do setor. A confiabilidade do sistema e o sigilo nos dados compartilhados na plataforma são prioridades para o IBER. 

O sistema desenvolvido pelo IBER é obrigatoriamente testados pelas equipes de Tecnologia da Informação (TI) e Gestão Ambiental das grandes corporações e, uma vez validado, passa a ser utilizado pelos colaboradores que farão o atendimento em nome da empresa. 

O próximo passo estará focado em realizar treinamentos com os usuários do sistema para melhor entendimento sobre o papel do IBER e da ferramenta para a Sustentabilidade da cadeia produtiva de baterias, seus diferenciais e as melhores práticas na gestão de processos de logística reversa. 

No mês de junho tem início uma nova fase, com o objetivo direto de alcançar o atendimento da PNRS através do envolvimento da rede de distribuidores. Será elaborado em conjunto com as grandes empresas um plano de comunicação para distribuidores de suas marcas, com planos de ação individuais para cada empresa. O objetivo é atingir metas de responsabilidade e levar a multinacional à conquista da certificação em 2020. 

Comentários