IBER e ANAMMA unidos pela implementação da PNRS nos municípios brasileiros

O Instituto Brasileiro de Energia Reciclável (IBER) e a Associação Nacional de Órgãos Municipais de Meio Ambiente (ANAMMA) avançam nas discussões para elaboração de um termo de cooperação técnica que visa promover a implementação da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) nos municípios brasileiros.

A ANAMMA foi fundada em 1988 e desenvolve ações para o fortalecimento municipal, especialmente a implementação de políticas ambientais. E o IBER é reconhecida pelos órgãos ambientais como entidade gestora da logística reversa do setor de baterias de chumbo-ácido no Brasil. Seu sistema nacional de certificação e reconhecimento de empresas associadas à PNRS é considerado uma das referências no País pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA).

As parcerias entre IBER e ANAMMA têm potencial para liderar a realização de eventos de conscientização com os governos municipais, apoiar a celebração de Termos de Compromisso com os Estados e contribuir com possíveis propostas de melhorias nas legislações das cidades, reforçando a importância do cumprimento à PNRS ao torna-la parte das exigências para emissão de alvará de funcionamento para as empresas locais.

O atendimento à legislação vigente também poderá se tornar critério para o Prêmio ANAMMA que irá reconhecer o município brasileiro com as melhores práticas ambientais, além de destacar uma cidade em cada um dos Estados.

“A união de conhecimentos e expertises é vantajosa para IBER e ANAMMA. Discutimos como expandir, em conjunto, o trabalho de capacitação nos estados onde o IBER já possui Termos de Compromisso e unidades fabris de baterias como São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina, Goiás e Rio Grande do Sul. Também contaremos com a ANAMMA para construir um diálogo ainda maior com todas as capitais brasileiras”, destacou a diretora-executiva do IBER, Amanda Schneider.

Comentários