É uma empresa importadora de baterias chumbo ácido? Confira a maneira correta de promover a destinação final ambientalmente adequada dos resíduos

Você deve buscar uma empresa regularizada e apta para coletar esse produto que agora se tornou um resíduo. Saiba como.

Os importadores de baterias são empresas que têm um papel peculiar na logística reversa da cadeia produtiva. Normalmente adquirem as baterias, mas normalmente não possuem uma estrutura robusta própria e adequada para promover a coleta e destinação dos resíduos e termina se prejudicando no atendimento da regulamentação atual.


Importadores de baterias utilizam o produto para equiparem os veículos ou equipamentos que comercializam ou ainda para fazer funcionar máquinas e equipamentos dentro de suas operações fabris. Mas o que devem fazer quando a bateria encerra sua vida útil e precisa receber a destinação ambientalmente correta?


O Instituto Brasileiro de Energia Reciclável – IBER construiu em conjunto com os órgãos competentes e o setor, uma ferramenta que identifica as empresas que estão aptas e em dia com a regulamentação para receber a bateria considerada inservível. Ao realizar sua destinação você deve identificar se a empresa atende às suas obrigações ambientais, preferencialmente através de seu certificado de atendimento à PNRS, emitido pela entidade gestora.


Ao escolher uma empresa certificada pelo IBER, o importador terá a garantia de que está trabalhando com uma organização adimplente com as suas obrigações ambientais e, assim, fará com que o próprio importador também esteja quite com a legislação ambiental vigente.


Procedendo dessa forma, a empresa importadora passa a ser ter uma participação ativa no processo de toda a cadeia produtiva, sendo fundamental, inclusive, para a rastreabilidade do resíduo, uma das obrigações previstas na PNRS, expressa por meio do acordo setorial.

Além disso, é fundamental solicitar a Nota de Remessa, documento que atestará a quantidade de resíduo devolvido ou destinado e que irá compor a meta de logística reversa do importador.

Comentários