Conselho Gestor do IBER passa a ter representantes dos Importadores e do Comércio Varejista

O Conselho Gestor do Instituto Brasileiro de Energia Reciclável (IBER) passa a contar com dois novos membros: um representante das empresas Importadoras de baterias de chumbo-ácido e um do setor de Comércio Varejista.

A chegada desses novos conselheiros reforça o planejamento da entidade de contribuir para a ampliação da logística reversa em toda cadeia produtiva, assim como o cumprimento da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS).

O ingresso dos novos membros no Conselho Gestor é uma ação estruturadora, uma vez que implica na associação ao IBER de todas as empresas que compõem os respectivos grupos econômicos dos conselheiros.

São metas estratégicas do IBER para 2020 iniciar um projeto piloto junto aos varejistas e órgãos municipais, além de ter iniciado o desenvolvimento de um aplicativo voltado exclusivamente para o Varejo para participação do sistema de logística reversa vigente e apoio às empresas que buscam cumprir a PNRS e, por isso, são reconhecidas como compromissadas com o Meio Ambiente.

Desde 2019, o IBER desenvolveu e oferece aos seus associados uma plataforma, suporte e expertise acessíveis a todas as atividades econômicas que realizem a movimentação de baterias no país. As empresas hoje estão dotadas de ferramenta e conhecimentos para estimular a coleta do resíduo, gerir e controlar o descarte ambientalmente correto e dar visibilidade à gestão das marcas da empresa em toda sua cadeia. Montadoras já possuem um sistema para gerir sua rede de concessionários e fabricantes e distribuidores suas redes de clientes.

Comentários